Header Ads

Após injetar óleo nos braços, ‘Popeye russo’ teme perder capacidade motora

A nova cirurgia era aguardada há um ano e havia sido adiada por conta da pandemia

Kirill Tereshin é ex-soldado (Foto: Reprodução)
Em 2017, o ex-soldado russo Kirill Tereshin começou a aplicar uma substância, conhecida como Synthol, para ganhar massa muscular. Os bíceps de Kirill Tereshin ficaram tão grandes que o levaram a ser comparado com o personagem Popeye.

CONFIRA! Após injetar óleo nos braços, ‘Popeye russo’ teme perder capacidade motora

Agora, aos 24 anos, com inflamações nos membros superiores, o jovem passou pela segunda cirurgia para retirar parte do óleo endurecido e pedaços do músculo afetado pelo composto.

“Segunda cirurgia de tríceps no braço direito foi bem-sucedida. Obrigado ao Hospital, também obrigado ao cirurgião Dmitry Melnikov por assumir minhas operações mais difíceis e salvar minha vida deste veneno. Também obrigado a Albina por cuidar da minha mão após a operação (tratamento, lubrificação, limpeza de feridas e curativo)”, escreveu no Instagram.

A nova cirurgia era aguardada há um ano e havia sido adiada por conta da pandemia. “Tenho apenas 24 anos e meu sistema imunológico até agora está lidando com essa inflamação, mas realmente não sei o que vai acontecer a seguir. É por isso que comecei as cirurgias para me livrar desse pesadelo”, contou o fisiculturista ao jornal Daily Star.

Arrependimento

“Eu ganhei meus braços quando tinha 20 anos devido à minha própria estupidez. Não pensei nas consequências”, afirmou o jovem. Ele injetou cerca de três litros do material em cada braço.

De acordo com o ex-soldado, ele foi convencido a remover a parte endurecida pelo óleo após os braços começarem a infeccionar. O médico Dmitry Melnikov, responsável pela cirurgia de Kirill, informou que ele poderia morrer se não retirasse o conteúdo.

Ainda conforme o fisiculturista, ele precisará fazer novas cirurgias nos bíceps. As intervenções podem atingir o nervo responsável pela sensibilidade das mãos e capacidade motora dos braços dele.

“A cirurgia mais difícil será no meu bíceps. O nervo responsável pela sensibilidade [das mãos e capacidade motora] dos braços está dentro [da área atingida pelo composto]. Deus me livre que algo aconteça com este nervo e eu não possa mais mover meu braço. Eu realmente me preocupo com isso”, explicou o jovem.

A próxima cirurgia deve ocorrer no final deste ano. “Estou com muito medo. Eu deveria ter pensado sobre isso [aplicação da substância] antes, eu sei. Eu me culpo, eu sei que sou culpado”, desabafou o jovem.

Por Isto É Online
Publicada por F@F em 05.03.2021

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.