Header Ads

Homem e travesti são presos suspeitos de fazerem sexo na frente de criança de 5 anos

Segundo a Guarda Civil, o menino, que é filho do suspeito, estava dentro de um carro assistindo tudo ao lado do irmão e do primo. Todos foram encaminhados à delegacia e a garoto ficou sob os cuidados da avó

Homens e travesti são algemados após serem flagrados fazendo sexo ao lado de criança em Goiânia, Goiás (Foto: Divulgação/GCM)
Goiânia (GO) - Um homem de 42 anos e uma travesti de 20 foram presos suspeitos de fazerem sexo na frente de uma criança de 5 anos, em Goiânia. Segundo a Guarda Civil Metropolitana (GCM), o menino, que é filho do suspeito, estava dentro de um carro assistindo tudo ao lado do irmão e do primo, ambos de 18 anos.

O caso aconteceu na madrugada do último domingo (30), no Bairro São Francisco. De acordo com o comandante da Ronda Ostensiva Municipal de Goiânia (Romu) da GCM, Vagner Rodrigues, a equipe estava em patrulhamento pelo bairro quando, ao passarem pela Avenida Rezende, avistaram o veículo parado debaixo de uma árvore.

“Resolvemos parar porque vimos luzes vindas de dentro do carro. Quando olhamos dentro do veículo vimos uma cena deplorável. Eu nunca tinha visto nada parecido em 15 anos de profissão. Um absurdo o que fizeram essa criança passar”, afirmou.

De acordo com Rodrigues, o menino, que estava bastante assustado, contou mora com a mãe e naquele dia estava passando o fim de semana com o pai, quando foi levado ao local junto com o irmão e com o primo.

“Ele só fica alguns fins de semana na casa do pai. Pela fisionomia dele, dava parar perceber que ele estava muito assustado com aquela situação. Ele também relatou que estava com fome”, contou.

Ainda segundo o comandante, assim que a equipe flagrou a situação, conduziu todos que estavam no carro à Central de Flagrantes e acionou o Juizado da Infância e da Juventude de Goiânia, que acompanhou a criança até que a avó dela o busca-se na delegacia.

Como o menino e os envolvidos não tiveram os nomes divulgados, o G1 não conseguiu checar o andamento do caso junto ao Tribunal de Justiça de Goiás.

De acordo com a Polícia Civil, o homem e a travesti foram autuados pelo crime de corrupção de menores. Como eles não tiveram as identidades reveladas, a reportagem também não conseguiu checar junto ao Poder Judiciário se eles permanecem presos até esta segunda-feira (31).

Já os dois jovens, que também estavam no carro, chegaram a ser conduzidos à delegacia, mas foram liberados em seguida.

Do G1
Publicada por F@F em 01.06.2021

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.