Header Ads

Jovem de 16 anos é morta a tiros na PB e principal suspeito é ex-namorado

Casal teria terminado relacionamento há pelo menos dois meses e vítima vinha sendo ameaçada desde então, informaram testemunhas à polícia

Jovem foi morta a tiros (Foto: Reprodução)
João Pessoa (PB) - Uma jovem de 16 anos foi morta a tiros, na tarde deste domingo (13), no município de São Bento, no Sertão da Paraíba. De acordo com as informações da Polícia Civil, o principal suspeito de ter atirado contra Rayane Santos Ramalho é o ex-namorado dela.

Segundo a polícia, até o momento o suspeito foi identificado apenas pelo nome de André. O casal teria terminado o relacionamento há pelo menos dois meses e a vítima vinha sendo ameaçada desde então, conforme informaram testemunhas à polícia.

No dia do crime, Rayane teria saído de moto da casa onde morava com os pais para o Centro da cidade, quando teria encontrado o suspeito. Ao vê-lo, a vítima teria voltado para casa. O homem, então, teria seguido a jovem, invadido a casa e atirado várias vezes contra ela.

Feminicídio é o assassinato contra uma mulher cometido devido ao fato de ela ser mulher ou em decorrência da violência doméstica. Foi inserido no Código Penal como uma qualificação do crime de homicídio em 2015 e é considerado crime hediondo.

De acordo com um levantamento feito pelo G1, com dados da Secretaria de Segurança e Defesa Social (Seds), solicitados via Lei de Acesso à Informação, mais de 46% das mulheres assassinadas na Paraíba nos primeiros cinco meses de 2021 foram mortas por seus companheiros ou algum familiar, sendo os casos investigados como feminicídios.

Conforme os dados, foram 16 mulheres assassinadas cujos casos foram considerados como homicídios dolosos e 14 feminicídios registrados, totalizando 30 mulheres mortas de janeiro a maio de 2021.

Do G1 Paraíba
Publicada por F@F em 14.06.2021

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.