Header Ads

Raniery não questiona João sobre aliança com Romero e torce para Vené ficar no grupo

Único deputado do MDB com mandato, Raniery Paulino faz parte da base do Governo do Estado na Assembleia Legislativa da Paraíba

Deputado Raniery Paulino (Foto: Reprodução)
João Pessoa (PB) - Diante da possibilidade de uma aliança entre o ex-prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues (PSD) e o governador João Azevedo (Cidadania), o deputado estadual Raniery Paulino (MDB), apelou para que o senador Veneziano Vital do Rêgo (MDB-PB), permaneça no grupo do chefe do Executivo estadual.

Como integrante da base governista, ele disse que não pretende  questionar o governador João Azevêdo em possível aliança com o ex-prefeito campinense.

O deputado lembrou que o MDB fez uma aliança com o governador João Azevêdo desde a eleição municipal, no ano passado, e que essa aliança está mantida. Ele observou que João apoiou a candidatura de Roberto Paulino a prefeito de Guarabira.

Ainda sobre Veneziano, Raniery disse torcer para que ele esteja inserido na aliança.

“Torço muito para um desfecho em que Veneziano esteja inserido porque o senador Veneziano tem feito um belo trabalho no Senado Federal. Tem sido um grande aliado do governador e a minha fala sempre será de junção do MDB, especialmente a figura de Veneziano, que é nosso presidente “, disse.

O parlamentar garantiu, que em Campina Grande, seu aliado é o senador Veneziano Vital, e por isso, torce para que ele e Veneziano se alinhem e compartilhem o mesmo projeto eleitoral em 2022.

“Que pese todo o meu respeito ao prefeito, inclusive ele tem um estilo ponderado, de muito equilíbrio, em Campina Grande o meu aliado, eu sou aliado do senador Veneziano Vital do Rêgo, que faz um grande trabalho no Senado Federal, vice-presidente do Senado, e preside o meu partido. E sou aliado do governador João Azevêdo. Então, quero que meus aliados estejam juntos”, declarou o deputado.

Ontem o secretário Roberto Paulino (MDB), voltou a pregar a permanência de seu partido na base governista nas eleições de 2022, mas lembrou que um dos pilares da política é a reciprocidade.

Para o secretário Roberto Paulino o momento é de entendimento e muito diálogo.

Do PB Agora
Publicada por F@F em 31.10.2021

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.