Header Ads

Policiais civis veem “saldo positivo” e apostam em entendimento com João Azevêdo

O governador João Azevêdo (Cidadania) propôs para os policiais civis do estado um reajuste de 10% nos salários e incorporação de 80% na bolsa desempenho dos agentes de segurança

Steferson Nogueira, presidente da APLP (Foto: Reprodução)
João Pessoa (PB) - Após cerca de duas horas de conversas entre o governador da Paraíba, João Azevêdo (Cidadania), e representantes da Polícia Civil na tarde desta terça-feira (4), o encontro terminou tranquilo e com boas chances de acordo entre as partes. Ao Portal MaisPB, o presidente da Associação de Defesa das Prerrogativas dos Delegados de Polícia da Paraíba, Steferson Nogueira, avaliou positivamente o encontro com o gestor.

“Saldo positivo. O governo vai avaliar as propostas que nós fizemos e a gente aguarda uma posição do governo para elevar a categoria e assim deliberar se vai ser positivo fechar esse acordo ou não. Eu acho que vai ter um bom entendimento no final.“, disse o representante da classe.

O governador João Azevêdo (Cidadania) propôs para os policiais civis do estado um reajuste de 10% nos salários e incorporação de 80% na bolsa desempenho dos agentes de segurança. A proposta foi bem recebida pela categoria, que fez também outras cobranças, dentre elas um Plano de Cargos e Carreira.

“Falamos sobre a dificuldade da promoção do policial civil que as vezes passa 15 a 20 anos sem ser promovido e também dessa falta de valorização na carreira. Outros pontos foram sinalizados como a questão da hora extra. Vamos aguardar o governo para ver se será possível atender”, afirmou Steferson.

Ainda na manhã dessa terça-feira (4) João também se reuniu com policiais e bombeiros militares e lançou uma proposta nos mesmos moldes para a categoria, com incorporação da bolsa de desempenho e reajuste nos salários.

Do MaisPB
Publicada por F@F em 04.01.2022

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.