Header Ads

Homem é preso suspeito de matar funcionária de motel e mototaxista

Crime aconteceu há três anos. Imagens mostram quando dois homens em uma moto se aproximam do mototaxista e da passageira e atiram contra eles

Homens em moto atiram contra funcionária de motel e mototaxista (Foto: Reprodução/TV Anhanguera)
Goiânia (GO) - Um homem de 34 anos foi preso suspeito de matar a funcionária de um motel, Débora Gomes da Silva, de 25 anos, e o mototaxista Miguel Vincenzi, de 46, em Rio Verde, no sudoeste de Goiás. Imagens de câmera de segurança registraram o assassinato.

O crime aconteceu há 3 anos, no Setor Industrial, já a prisão ocorreu na segunda-feira (21). Segundo a Polícia Civil, o suspeito preso, Rodrigo Martins de Oliveira, cometeu o crime acompanhado de um outro homem identificado como Jordson Soares, que já está detido por tráfico de drogas.

Até a última atualização desta reportagem, o g1 não conseguiu localizar as defesas dos suspeitos para que eles se posicionassem.

"A motivação é que a Débora tinha um relacionamento com o Rodrigo e com outro homem. Os dois seriam rivais por conta da mulher e porque traficavam de drogas em pequena escala", explicou o delegado Adelson Candeo.

Ainda segundo a Polícia Civil, o mototaxista não tinha nenhum envolvimento com o crime. O delegado também informou que o suspeito ficou em silêncio durante o depoimento. Os homens devem responder por homicídio.

As imagens mostram quando dois homens em uma moto se aproximam do mototaxista e da passageira e atiram contra eles. Após os disparos, os criminosos fogem. O piloto segue ainda por mais alguns metros, mas perde o controle e os dois caem.

De acordo com a Polícia Civil, Débora estava na garupa e tinha pedido o serviço de moto-táxi para sair do trabalho. Os dois foram atingidos com vários tiros, chegaram a ser socorridos, mas não resistiram aos ferimentos. Os suspeitos devem responder por homicídio qualificado.

Do g1 Goiás
Publicada por F@F em 23.02.2022

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.