Header Ads

Médico estaciona carro, esquece de puxar freio de mão e morre atropelado, em Mulungu

"Dr. Edvan" trabalhava no PSF na comunidade rural de Gravatá

Médico Edvan Benevides (Foto: WhatsApp)
Um médico, identificado como Edvan Benevides, morreu atropelado pelo próprio carro na manhã desta sexta-feira (29) no município de Mulungu, na Paraíba. Ele prestava serviço no PSF da comunidade de Gravatá, na Zona Rural da cidade.

Conforme relatos de testemunhas, a vítima teria estacionado seu veículo, uma caminhonete e esquecido de engatar o freio de mão. “Ele desceu do carro, tirou a chave e fechou a porta. Quando ele estava passado por trás, o carro foi descendo e acabou atropelando ele”, disse uma moradora.

Edvan estava realizando visitas domiciliar. Ele ficou bastante ferido. Populares se desesperaram diante da cena. A vítima recebeu os primeiros atendimentos de algumas enfermeiras do município até a chegada do socorro.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado e os socorristas tentaram de tudo, mas o médico não resistiu e morreu dentro da ambulância.

A Polícia Civil tomou conhecimento do caso e a perícia foi chamada para realizar os procedimentos cabíveis. O corpo foi encaminhado ao Núcleo de Medicina Odonto-Legal (Numol) de Guarabira.

Do Blog de Pedro Júnior com Fato a Fato
Publicada em 29.11.19, às 22h38

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.