Header Ads

Secretarias da Mulher e da Cidadania de JP traçam estratégias no combate à violência

Raíssa Lacerda, secretária executiva da Cidadania e Direitos Humanos, apresentou, durante a reunião, relatos de vítimas de violência

Raíssa Lacerda, secretária executiva da Cidadania e Direitos Humanos, apresentou, durante a reunião, relatos de vítimas de violência (Foto: Assessoria)
Trabalhar de mãos dadas em prol das mulheres em situação de vulnerabilidade. Esse é o objetivo em comum das Secretarias Extraordinária de Políticas Públicas para as Mulheres (SEPPM) e de Cidadania e Direitos Humanos de João Pessoa. Nesta quarta-feira (27), gestores das duas pastas se reuniram para traçar estratégias e somar esforços para combater todo o tipo de violência contra esse público.

“O trabalho em conjunto das duas secretarias será feito não apenas no combate à violência, mas também com o objetivo de proporcionar um pouco mais de dignidade e capacitação a essas mulheres que vivem em situação de vulnerabilidade”, destacou Nena Martins, secretária da SEPPM.

Raíssa Lacerda, secretária executiva da Cidadania e Direitos Humanos, apresentou, durante a reunião, relatos de vítimas de violência. Estas mulheres devem receber assistência multidisciplinar no Centro de Referência Ednalva Bezerra. Outro tema abordado foi de idosas que sofrem violência física e financeira por parte de familiares.

“Essas mulheres precisam de um amparo, da união das duas secretarias. Por isso queremos somar. Viemos aqui para darmos as mãos contra qualquer tipo de violência e injustiça social e lutarmos por políticas públicas para as mulheres”, frisou Raíssa Lacerda, que quando vereadora criou a lei nº 12.169, que propõe amparo em relação à moradia para mulheres vítimas de violência doméstica que moram na Capital.

Da Assessoria de Imprensa
Publicada por F@F em 28.01.2021

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.