Header Ads

Padrasto e enteado são presos por fraudes no Auxílio Emergencial em CG

Os homens teriam causado um prejuízo de mais de R$ 25 mil ao receber benefícios de forma fraudulenta

Punição foi pela Justiça Federal na PB (Foto: Reprodução)
A 6ª Vara da Justiça Federal na Paraíba condenou um homem e o enteado dele por fraudes no Auxílio Emergencial que causaram um prejuízo de mais de R$ 25 mil. Os golpes foram praticados em Campina Grande.

Os homens estão presos e as investigações apontam que eles teriam envolvimento na obtenção de pelo menos 42 benefícios do auxílio emergencial de forma fraudulenta. Eles cadastravam pedidos de auxílio no nome de outras pessoas, sem que elas tivessem conhecimento. Com o dinheiro, eles pagavam boletos em sites.

Vanderson Pereira da Silva e Sidney Moraes de Abreu foram condenados a pouco mais de cinco anos de prisão, mais pagamento de multa. Esta é possivelmente a primeira condenação por esse tipo de crime no país.

Do ClickPB
Publicada por F@F em 24.02.2021

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.