Header Ads

Câmara de Guarabira adota sistema híbrido nas sessões ordinárias

Decisão da presidência se dá após funcionário da casa e vereador terem contraído o novo coronavírus

Plenário da CM de Guarabira (Foto: Reprodução)
A Câmara Municipal de Guarabira adotou pelo sistema híbrido durante a sessão ordinária desta quinta-feira (25) e vai permanecer nas próximas sessões. Apenas dois vereadores (Tiago do Mutirão e Saulo de Biu) optaram pelo o sistema remoto e participaram através de videoconferência. Por outra lado, a maioria dos parlamentares preferiu atuar de forma presencial.

Na última terça-feira (23) a presidência realizou testagem de Covid-19 nos vereadores, assessores, servidores, prestadores de serviço e imprensa. Apenas um vereador (Renato Meireles) e uma funcionária testaram positivo para COVID-19. A testagem foi realizada em conjunto com a Secretaria Municipal de Saúde após o presidente da Câmara, Wilson Filho (PL), solicitar o procedimento.

O vereador Renato Meireles (Cidadania) está cumprindo a quarentena domiciliar e não participou da sessão. O parlamentar pode, conforme a presidência, participar dos trabalhos por videoconferência através do sistema eletrônico oferecido pela Câmara.

Apenas vereadores e pessoas que estão trabalhando diretamente nas sessões estão tendo acesso às dependência da Câmara. Na porta de entrada, um funcionário faz a aferição da temperatura de todos antes de entrar para evitar que alguém tenha acesso com estado febril. Também é feita a higienização das mãos com álcool em gel.

Do Blog do Galdino com Fato a Fato
Publicada em 27.03.2021

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.