Header Ads

Suspeito da morte de Patrícia Roberta fica em silêncio durante depoimento

A última mensagem enviada pela jovem à família foi às 12h06 do domingo

Suspeito fica calado em depoimento (Foto: Reprodução)
João Pessoa (PB) - Jonathan Henrique G. dos Santos, de 23 anos, suspeito do assassinato da jovem Patrícia Roberta, de 22 anos, ficou em silêncio durante depoimento na Central de Polícia, no bairro do Geisel, em João Pessoa. Ele foi preso na noite de ontem, em Mangabeira III.

O suspeito deve passar na tarde de hoje pela audiência de custódia, no Fórum Criminal. Um amigo de Jonathan chegou a ser detido ontem em um apartamento, nos Bancários, mas foi liberado.

Patrícia teve seu corpo encontrado no início da tarde de ontem em uma mata no bairro do Colinas do Sul, na capital. Em uma ação conjunta, Polícia Militar, Polícia Civil e Corpo de Bombeiros fizeram buscas em terrenos do bairro de Gramame e áreas vizinhas, com apoio de cães farejadores.

Segundo informações da Polícia, a jovem residia em Caruaru e viajou para João Pessoa. Ela teria vindo se hospedar no apartamento de Jonathan , no bairro de Gramame, durante o fim de semana. A família informou à polícia que Patrícia e Jonathan eram amigos há cerca de 10 anos e conversavam constantemente. Ela teria se comunicado com a família no domingo, e relatado que foi deixada trancada no local onde o amigo vivia.

A última mensagem enviada pela jovem à família foi às 12h06 do domingo.

Do Wscom
Publicada por F@F em 28.04.2021

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.