Header Ads

Na inauguração, igreja da pastora Renallida é alvo de denúncias e fechada por aglomeração

De acordo com a denúncia, foi identificada aglomeração e ausência de alvará para a realização do culto

Culto da Igreja Pentecostal Tempo de Milagre (Foto: Reprodução)
João Pessoa (PB) - A recém-inaugurada Igreja Pentecostal Tempo de Milagre, da pastora Renallida Carvalho, foi fechada na noite desta quarta-feira (15), após termo de notificação da Vigilância Sanitária da Prefeitura Municipal de Cabedelo. 

CONFIRA: Veja mais fotos e notícias sobre o caso

Em publicação nas redes sociais, a pastora alegou que a igreja comporta 3 mil pessoas, mas a abertura desta quarta-feira iria permitir apenas 700 pessoas. 

Após o fechamento pela polícia, a pastora conduziu o público para realizar um culto a céu aberto, na praia de Cabedelo.

No termo de notificação, foram citados os protocolos sanitários de prevenção à propagação da Covid-19, o que inclui o uso obrigatório de máscara, ocupação máxima de 50%, controle do fluxo de entrada e saída, evitar aglomerações, e outras medidas. Além disso, também foi mencionada a retirada de fiação exposta antes da inauguração.

Veja notificação

Do ClickPB 
Publicada por F@F em 16.09.2021

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.