Header Ads

Filme de guarabirense do diretor Roberto di Freitas é selecionado para festival em Sousa

Filme do diretor Roberto di Freitas “será que ele volta?”, é selecionado em festival de cinema de Sousa

Banner de divulgação do festival (Foto: Reprodução)
Guarabira (PB) - Na tarde do dia 15 foi divulgado a lista dos filmes selecionados para o V Festissauro, o Festival de cinema da cidade de Sousa, e entre eles está o curta-metragem “Será que ele volta?”, produzido na cidade de Guarabira em 2019, com direção de Roberto Di Freitas.

Sinopse: “O Presídio João Bosco de Guarabira não será mais o outro lar da vida de Kléber (interpretado pelo ator Marcelo Félix) pois a notícia de sua liberdade plena permite o reencontro com sua mãe Dona Cilene (interpretada pela atriz Vera Granjeiro) e também com a vida em sociedade, trazendo à tona a situação de sua ressocialização cidadã, sendo este o tema central desse curta-metragem. Dirigido por Roberto Di Freitas, o filme mergulha nas condições da relação afetuosa entre mãe e filho, que traz uma preocupação conflitante da mãe com seu filho quando ela percebe que ele está com amizade com seu amigo de infância, o traficante Cadinho (interpretado pelo ator Zenildo Marques). Diante dessa situação que vai se apresentando para a vida da mãe, de que seu filho está quase arrastado novamente para o mundo do tráfico.”

Na tarde de ontem (15) foi divulgado a lista dos filmes selecionados para o V Festissauro, o Festival de cinema da cidade de Sousa, e entre eles está o curta-metragem “Será que ele volta?”, produzido na cidade de Guarabira em 2019, com direção de Roberto Di Freitas.

Sinopse: “O Presídio João Bosco de Guarabira não será mais o outro lar da vida de Kléber (interpretado pelo ator Marcelo Félix) pois a notícia de sua liberdade plena permite o reencontro com sua mãe Dona Cilene (interpretada pela atriz Vera Granjeiro) e também com a vida em sociedade, trazendo à tona a situação de sua ressocialização cidadã, sendo este o tema central desse curta-metragem. Dirigido por Roberto Di Freitas, o filme mergulha nas condições da relação afetuosa entre mãe e filho, que traz uma preocupação conflitante da mãe com seu filho quando ela percebe que ele está com amizade com seu amigo de infância, o traficante Cadinho (interpretado pelo ator Zenildo Marques). Diante dessa situação que vai se apresentando para a vida da mãe, de que seu filho está quase arrastado novamente para o mundo do tráfico.”

Por MALU TEIXEIRA
Publicada por F@F em 19.10.2021

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.