Header Ads

MC faz homem de 'escudo humano' dentro de condomínio, e os dois são mortos a tiros

Um deles era conhecido como MC Irak e, segundo testemunhas, fez a ou de "escudo humano"

O crime aconteceu na Cidade Garapu, por volta das 13h, mas foi confirmado pela Polícia Civil nesta segunda-feira (3). (Foto: Reprodução)
Recife (PE) - Dois homens foram mortos a tiros no domingo (2) em um condomínio no Cabo de Santo Agostinho, no Grande Recife, de acordo com a Polícia Civil. Um deles era conhecido como MC Irak e, segundo testemunhas, fez a ou de "escudo humano".

O crime aconteceu na Cidade Garapu, por volta das 13h, mas foi confirmado pela Polícia Civil nesta segunda-feira (3). As vítimas são: Ewerton Matheus da Silva, o MC Irak, de 19 anos, e o soldador Cristiano da Silva, de 30 anos.

Eles estavam no Condomínio Novo Tempo IV quando ocorreu o crime. "Segundo informes da população, Ewerton utilizou Cristiano como escudo humano para evitar sua execução, levando ambos a morte", afirmou o DHPP em relatório.

Ewerton, o MC Irak, morreu no local. Cristiano foi socorrido e levado à Unidade de Pronto-Atendimento (UPA) da Cohab, mas não resistiu. O caso foi registrado pelo delegado Sérgio Ricardo.

A Polícia Civil não informou se as vítimas foram baleadas durante um assalto ou se foram executadas. "As investigações foram iniciadas e seguem até o esclarecimento do fato", afirmou, por meio de nota.

Família de MC nega versão de 'escudo'

Amigos e familiares do MC Irak negam que ele tenha usado Cristiano para se proteger. Ao g1, o MC Lucas Lancaster rebateu as informações repassadas para a polícia.

"Não conheço [Cristiano], mas não teve isso de escudo humano. Ele [MC Irak] estava bebendo no momento errado e na hora errada. Chegaram desconhecidos, perguntaram se tinha droga e efetuaram vários disparos. Ele não usava droga nem nada. Era só bebida e mulher. Nem cigarro usava", disse.

Amiga de infância de Cristiano, Micaela Santos afirmou que ele deixou esposa e dois filhos.

"Ele tinha uma menina de 4 anos e um bebê de dois meses que nasceu com um tumor no cérebro e passou por cirurgia recentemente. Todos nós estamos sentindo muito por ele ser um ótimo pai, um homem de família que infelizmente morreu de uma forma tão trágica", lamentou.

Segundo a amiga, Cristiano estava dando banho de mangueira na filha de 4 anos quando os criminosos chegaram no condomínio.

"Infelizmente ele estava na parte de baixo da casa dando banho nela de mangueira quando vieram matar o outro. Ele estava próximo e tentou proteger a filha. Quando ele foi correr, atiraram nele", contou.

Homenagen

Familiares, amigos e fãs de MC Irak participaram do velório do músico, nesta segunda, em uma funerária na PE-60. O enterro foi realizado por volta das 16h no Cemitério do Cabo de Santo Agostinho.

A morte do MC Irak, que era bastante querido na cidade, gerou comoção. Várias pessoas publicaram homenagens nas redes sociais.

"Hoje, mais uma pessoa de coração grande se foi. Vai com Deus, amigo, Que Deus lhe coloque em um bom lugar. Você estava crescendo no que você queria e falava que era o seu sonho. Um amigo bom com o futuro brilhante", lamentou a dançarina de brega-funk Rooh Official.

"Vai com Deus, meu mano. Desculpa a gente não ter gravado essa música, mas já está eternizado no meu coração. Assiste aí de cima e, se puder, nos guia nas gravações, como sempre", publicou o MC Gold.

MC Lancaster também se despediu do parceiro de música. "A Jovem [torcida] do Cabo de Santo Agostinho está de luto. Sempre vou representar você e a nossa torcida. Vai com Deus, mano. Que Deus te coloque em um bom lugar", disse.

O velório de Cristiano da Silva será nesta segunda, na funerária Safpe, no Cabo de Santo Agostinho. O enterro será na terça (4), no cemitério do município.

Amigos e familiares dele também publicaram homenagens nas redes sociais. “Que Deus conforte o coração de todos da família. Eterno Cris. É horrível ver você partir de uma forma tão triste. Meu coração está em pedaços”, publicou Micaela Santos (veja vídeo acima).

“Quanta crueldade. Cristiano era um menino trabalhador, pai de família, de bom coração. Infelizmente, mais uma vida tirada com crueldade”, afirmou Elizangela Romão.

Quem é MC Boco

No dia 26 de dezembro, o MC Boco do Borel, cantor de brega funk, foi morto a tiros enquanto fazia um show em Serrambi, em Ipojuca, no Litoral Sul de Pernambuco. Ele tinha 34 anos.

MC Boco, nome artístico de Paulo Roberto Gonçalves Cavalcanti, foi assassinado no Aconchego Bar. Ele foi atingido por vários tiros e chegou a ser socorrido para uma unidade de saúde, mas não sobreviveu.

Do g1
Publicada por F@F em 04.01.2022

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.