Header Ads

Raniery Paulino revela conversa com Veneziano e vê ‘pacificação’ com João e PT

"Não tem nenhuma fala de Veneziano sobre João, e de João sobre Veneziano, que seja afrontosa, porque não houve rompimento oficial", pontuou o parlamentar

Deputado Raniery Paulino, vice-líder do governo na ALPB, luta pela manutenção da aliança MDB com o governador (Foto: Reprodução)
João Pessoa (PB) - “Pacifica”. É o que afirma, categoricamente, o deputado estadual Raniery Paulino sobre um retorno da união entre o governador João Azevêdo (Cidadania) e o senador Veneziano Vital do Rêgo (MDB), e por consequência apaziguariam o PT paraibano sobre as articulações para as eleições 2022.

“Apesar do MDB nunca ter conversado, do ponto de vista como partido ou apresentar teses, existe uns que torcem pela candidatura própria, o que é legítimo, e outros que querem compor com João. Uma vez pacificando essa situação, e pelo tamanho que o MDB tem, não só de composição, mas de história, pois temos que ter nossas bandeiras, ficará bem”, afirmou Raniery.

Além da pacificação, o parlamentar diz que há “condição de nos fortalecer, tanto quanto partido como para o governo”.

“Não tem nenhuma fala de Veneziano sobre João, e de João sobre Veneziano, que seja afrontosa, porque não houve rompimento oficial. Tem mais convergências, do que divergências”, disse.

Conversa há 15 dias

Raniery revelou que conversou com Veneziano há 15 dias. Na pauta, recebeu carta branca para seguir com seus compromissos.

“Conversa muito boa, muito respeitosa. Sobre candidatura ou não, ele nem me deu resposta definitiva. Me pediu para ficar no MDB, até por tudo que representamos, principalmente pelo tamanho de Roberto Paulino, e para seguir com meus compromissos. E meu compromisso, todos sabem e não escondo, é com João”, detalhou o deputado emedebista.

Do Paraíba Já
Publicada por F@F em 16.02.2022

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.