Header Ads

João Pessoa terá ‘Dia D’ de vacinação contra Influenza, Sarampo e Covid-19 no dia 4

Além das Unidades de Saúde da Família (USF), também estarão funcionando o Centro Municipal de Imunização, as Policlínicas Municipais e o Mangabeira Shopping

Vacinação ocorrerá no sábado, dia 4 (Foto: Reprodução)
João Pessoa (PB) - Para garantir a cobertura vacinal e oportunizar as pessoas que ainda não compareceram a um dos postos de vacina na Capital, a Prefeitura de João Pessoa realiza, no próximo sábado (4), mais um ‘Dia D’ de Mobilização contra Influenza, Sarampo, Covid-19 e atualização da caderneta de vacinação de adultos e crianças. Além das Unidades de Saúde da Família (USF), também estarão funcionando o Centro Municipal de Imunização, as Policlínicas Municipais e o Mangabeira Shopping. Não será necessário fazer agendamento.

“Com a chegada dos festejos juninos, muitas pessoas vão viajar para outras cidades ou até mesmo para o interior do Estado e para isso, nesse momento, é importante que as pessoas estejam vacinadas contra essas doenças que ainda estão em campanha preventiva. Na oportunidade, ainda há a oportunidade de atualizar a caderneta de vacinação com as vacinas que possam estar atrasadas ou que ainda não foram tomadas”, afirmou Fernando Virgolino, chefe da Seção de Imunização de João Pessoa.

Na rede municipal de saúde, a vacina que previne contra o sarampo pode ser aplicada em trabalhadores da saúde e crianças de 6 meses a menores de 5 anos. A única forma de evitar o sarampo é por meio da vacinação. Por esse motivo, a importância de estimular a atualização da caderneta de vacinação, especialmente neste período de queda das coberturas vacinais.

Já contra influenza, a vacina está disponível para os seguintes grupos: pessoas com 60 anos ou mais, crianças na faixa etária de 6 meses até 5 anos (4 anos, 11 meses e 29 dias), gestantes, puérperas (até 45 dias após o parto), trabalhadores da saúde, professores das escolas públicas e privadas, povos indígenas, grupos com doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais, população privada de liberdade e adolescentes e jovens em medidas socioeducativas, funcionários do sistema de privação de liberdade, pessoas com deficiência permanente, caminhoneiros, trabalhadores de transporte coletivo, rodoviário, portuários, funcionários do sistema prisional e profissionais das forças de segurança e salvamento (policiais, bombeiros e membros ativos das Forças Armadas).

Vacina contra Covid-19 – Além de crianças de 5 a 11 anos, estão disponíveis também primeiras doses para o público 12+, além de segundas doses da Coronavac (28 dias após a primeira dose), Pfizer (60 dias), Astrazeneca (90 dias) e Janssen. Pode tomar a terceira dose a população com idade a partir de 12 anos (120 dias após a segunda dose), imunossuprimidos (28 dias) e os trabalhadores de saúde (120 dias). A aplicação da quarta dose é destinada para os indivíduos imunossuprimidos e idosos a partir dos 60 anos que tenham recebido a terceira dose há, pelo menos, 120 dias.

“As vacinas de rotina e a que previne contra a influenza podem ser administradas juntamente com a vacina que previne contra Covid-19. A única exceção são para as crianças de 5 a 11 anos. Estas não podem tomar as doses das vacinas de rotina ou a que previne contra Influenza juntamente com a vacina de Covid-19. Neste caso, deve-se respeitar um prazo de 14 dias”, explicou Fernando Virgolino.

Da Secom-JP com ClickPB
Publicada por F@F em 01.06.2022

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.