Header Ads

Exame descarta violência e confirma que criança morreu afogada

Perícia também não encontrou evidências de abuso sexual no corpo da menina

Exame feito pelo Numol da PC (Foto: Reprodução/TV Correio)
João Pessoa (PB) - O laudo emitido pelo Núcleo de Medicina e Odontologia Legal (Numol) da Polícia Civil confirmou que a menina de 2 anos, encontrada morta em uma barragem na cidade de Montadas, morreu por afogamento.

Segundo o diretor do Instituto de Polícia Científica de Campina Grande (IPC), Márcio Leandro, também foi feito um exame sexológico para saber se a criança sofreu abuso sexual, mas nenhuma evidência foi encontrada. Também não foram encontrados sinais de lesão corporal.

A polícia agora investiga a possibilidade da menina não ter sido raptada, tendo morrido por negligência da família.

Do Portal Correio
Publicada poro F@F em 04.08.2022

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.