Header Ads

VEJA VÍDEO! Família desenterra corpo de criança após pastor revelar que ela estaria viva

A Polícia Civil informou que recebeu relatos dos familiares de que a criança teria se movido durante o velório

Caixão sendo carregado (Foto: Reprodução)
Está viralizando nas redes sociais um vídeo em que uma criança de um ano e 10 meses foi desenterrada horas depois de ter sido declarada morta. Um pastor, ainda não identificado, ligou para os familiares contando que havia tido uma visão na qual a menina estaria viva. Foi então que familiares, acreditando na palavra do religioso, tiveram a iniciativa de desenterrar o caixão com o corpo da criança. O caso aconteceu no povoado de Colônia, município de Itaetê, na Bahia.

Segundo relatos de populares, os pais da menina procuraram o hospital na madrugada desta quinta-feira (25/03), após a criança ter passado mal e, supostamente, o “médico que estava de plantão não teria dado a devida atenção ao caso”. O médico informou aos acompanhantes que a menina teve uma crise convulsiva que resultou no óbito.

Segundo o portal Augusto Urgente, os parentes da criança são evangélicos e um pastor, de nome não identificado, ligou para os familiares contando que havia tido uma visão na qual a menina estaria viva.

A família logo acreditou na palavra do pastor, então eles desenterraram o caixão com o corpo da criança e correram para buscar ajuda médica. A ação foi gravada por populares e o vídeo viralizou na internet.

“Ao desenterrar a menina uma enfermeira verificou os sinais vitais, e não deu nada. Só que o corpo estava quente e não tinha sinais. Ela foi levada para a casa dos avós e fizeram uma roda de oração e a menina mexeu o olho e apertou a mão de alguém”, relata um morador em um áudio que está sendo compartilhado na região.

Segundo informações da família, a criança foi levada no final da tarde desta quinta para o hospital de Mucugê. Além disso, afirmaram que o coração seguia batendo até aquele momento.

O Portal Gospel Minas entrou em contato com a prefeitura municipal de Itaetê que nos retornou em nota. Segundo a prefeitura, a criança chegou morta ao hospital na madrugada de quinta-feira e que todos os procedimentos foram realizados para tentar reanimá-la.

A prefeitura confirmou que os familiares buscaram um hospital, após afirmarem que a criança estava viva, mas que ao chegar na unidade de saúde, os médicos constaram que a criança continuava sem os sinais vitais. 

Leia a nota oficial abaixo


A Polícia Civil informou que recebeu relatos dos familiares de que a criança teria se movido durante o velório. A ocorrência foi registrada na Delegacia Territorial de Itaberaba e foi encaminhado à unidade de Itaetê, onde aconteceu a “revelação” do pastor, que irá apurar o caso. Disse ainda que, como a causa da morte da garota não estava definida no laudo, expediu as guias para a perícia, que vai definir o motivo do óbito.

Veja o vídeo abaixo

Do Gospel Minas
Publicada por F@F em 26.03.2021

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.