Header Ads

Advogado diz ter sido traído por Nilvan Ferreira sobre comando do PTB na PB

Vice-presidente do PTB estadual vai entrar na Justiça contra nomeação de Dedé Sales: ‘fui traído por Nilvan’

Roberto Jeferson e Eudócio Dantas (Foto: Reprodução)
João Pessoa (PB) - O vice-presidente do PTB na Paraíba, o advogado Eudócio Dantas, disse nesta sexta-feira (01), que vai ingressar na Justiça com um pedido de liminar contra a nomeação do vice-prefeito de Conde, Dedé Sales, que assumiu a Presidência do partido na Paraíba. “Nilvan me traiu friamente”, disse.

Em entrevista ao Polêmica Paraíba, no início da noite, Eudócio informou que a troca no comando do partido ocorreu a partir de uma ‘manobra’ do apresentador Nilvan Ferreira, pré-candidato ao Governo do Estado, para continuar no comando da legenda de forma indireta.

“Não houve destituição alguma, não houve ordem da Direção Nacional, o partido não comunicou nada sobre mudança alguma”, disse. Na avaliação de Eudócio, com base no estatuto do partido, ele é quem deveria assumir o cargo com a saída de Nilvan do PTB para o Partido Liberal (PL).

“Ele simplesmente pegou esse cara, que chegou lá no partido dizendo que era o presidente. Vou entrar na Justiça com uma liminar e vou provar que ele não é e não vai ser o presidente, meu jurídico já está preparando a ação”, informou Dantas, que se declara ativista um conversador. “Vou provar perante a Justiça que ele não é e não vai ser o presidente”, finalizou Dantas.

Filiação ao PL

Durante ato de filiação de Nilvan Ferreira ao PL, nesta sexta-feira (01), o vice-prefeito de Conde disse que o PTB segue na base do apresentador na Paraíba. “Você ganha mais um soldado bolsonarista e as portas do PTB estão escancaradas para você como eu já lhe falei”, disse na ocasião Dedé Sales.

Do Polêmica Paraíba
Publicada por F@F em 02.04.2022

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.